images_edited.jpg
CLIQUE AQUI - POSTAR.PNG

Assista o vídeo abaixo sobre a História da Origem do café e responda em seu caderno as perguntas abaixo:

Copie as perguntas em seu caderno.

Depois de assistir o vídeo acima sobre a História do Café responda em seu caderno:

1. Onde a História do café começou e como chegou na Europa?

2. Como foi a viajem épica da plantinha de café da Europa até a América?

3. Porque o café era tão valioso e vigiado por todos nas plantações?

De acordo com o texto abaixo, responda em seu caderno as perguntas abaixo:

Economia Cafeeira

   Ao longo do século XIX, o café ganhou importância nas exportações brasileiras e se tornou o esteio da economia nacional. A partir de 1870, a produção cafeeira adquiriu caráter capitalista e modificou as relações sociais no Brasil.

4. Quais atividades econômicas estavam em crise durante o Segundo Reinado.

 

   A economia brasileira, no século XVIII, atravessava um período de dificuldades provocadas pelo declínio da economia açucareira e da mineração. A produção de café, iniciada em meio a essa crise, representou a recuperação econômica e a inserção do Brasil no mercado mundial, nos moldes capitalistas.

   Introduzida no Brasil no início do século XVIII, a cafeicultura ocupou inicialmente as províncias do Rio de Janeiro e Minas Gerais. No século XIX, a produção chegou à província de São Paulo, primeiro no vale do Paraíba e, depois, na região denominada Oeste Paulista.

5. Em quais regiões brasileiras o café foi introduzido (onde o café começou).

   O vale do Paraíba fluminense e paulista viveu um período de opulência, em que os grandes proprietários de terras e  escravos, que haviam recebido ou comprado títulos de nobreza do governo imperial, eram denominados “barões do café”. Cercavam-se de luxo, vivendo em imensas fazendas ornamentadas com objetos importados da Europa.

6. Qual a relação entre o mercado mundial de café e a produção brasileira de café.

   O mercado mundial do café se ampliava, na medida em que o produto deixava de ser um artigo de luxo para se incorporar à cultura e ao consumo cotidiano das populações em diversos lugares do mundo. A participação do café brasileiro no mercado mundial elevou-se de 20% na década de 1820 para mais de 50%, entre 1880 e 1889.

 

7. As plantações de café migraram para quais regiões brasileiras.  

   O vale do Paraíba, no entanto, deixou de ser a principal região produtora. Embora o clima fosse favorável e a localização geográfica facilitasse o escoamento da produção – graças aos portos da baía de Guanabara e aos portos do litoral sul (Parati, Angra dos Reis etc.) o cultivo extensivo e predatório causou o esgotamento do solo.

   A partir de 1870, o declínio da cafeicultura no vale do Paraíba acentuou-se, e a produção se expandiu para o Oeste Paulista, inicialmente em tomo de Campinas e Ribeirão Preto, e depois, gradativamente, avançando para o Paraná. No Oeste Paulista, o solo de terra roxa era mais fértil que o do vale do Paraíba. A topografia também era mais favorável, permitindo o cultivo em grandes extensões contínuas de terra, em lugar das encostas de montes do vale do Paraíba.

 

8. Escreva os motivos para vinda de milhares de imigrantes europeus ao Brasil.

 

   Estruturada a princípio na grande propriedade agroexportadora e na mão-de-obra escrava, a economia cafeeira, a partir da segunda metade do século XIX, passou a adotar progressivamente o trabalho livre.
   O tráfico negreiro foi extinto em 1850, e a expansão da lavoura cafeeira no Oeste Paulista aumentava a necessidade de mão-de-obra. Com o objetivo de atrair imigrantes para o Brasil, o governo lançou campanhas na Europa, distribuindo folhetos que prometiam terra e fartura.

 

9. Além da vinda de milhares de imigrantes, o que mais foi-se modernizando em nosso país?   

   Os imigrantes europeus, como portugueses, alemães, espanhóis, suíços e italianos, começaram a chegar em grandes levas, alterando as relações de trabalho no Brasil. Ao mesmo tempo, a produção se modernizava e o transporte ferroviário substituía o transporte do produto em tropas de burros, permitindo o escoamento da produção do Oeste Paulista pelo porto de Santos.

   O comércio exterior se dinamizou, com a exportação crescente de café e a importação de produtos franceses e ingleses para atender aos novos núcleos urbanos, estimulando o desenvolvimento do sistema bancário.

https://www.coladaweb.com/historia-do-brasil/economia-cafeeira

CLIQUE AQUI - POSTAR.PNG
CLIQUE AQUI - POSTAR.PNG
CLIQUE AQUI - POSTAR.PNG
8 ANO APA13 PARTE 2.png