APC 6 REC HISTÓRIA
índice.jpg
Aluno, caso queira conversar com o profe
LIVE AO VIVO - 9º ANOS MAT.png
LIVE AO VIVO - 9º ANOS VES.png
9 A.png
9 B.png
9 C.png
9 D.png
9 E.png
9 F.png
TRABALHO APC6

COPIE AS PERGUNTAS E AS RESPONDA (A LÁPIS OU CANETA EM UMA FOLHA DE SEU CADERNO OU NO VERSO DA FOLHA, CASO FOR ENTREGAR NA ESCOLA).

VOCÊ PODERRÁ TAMBÉM CARREGAR UMA FOTO (PERGUNTAS E RESPOSTAS FEITAS EM SEU CADERNNO) NO CLASSROOM OU E-MAIL PARA: valdir.122112@edutec.sed.ms.gov.br ATÉ O DIA 30/06/21.

CARACTERÍSTICAS DO NAZISMO

As características principais do nazismo, enquanto ideologia instituída no poder, derivaram-se das ideias de Hitler desenvolvidas no período da prisão. O controle da população por meio da propaganda era uma de suas principais ferramentas. O uso do rádio e do cinema foi decisivo nesse processo para que as ideias nazistas fossem propagadas. O antissemitismo era uma dessas ideias. O ódio aos judeus, a quem Hitler atribuía a culpa por vários problemas que a Alemanha enfrentava, sobretudo problemas de ordem econômica, intensificou-se no período nazista. Esse fato culminou no Holocausto – morte de mais de seis milhões de pessoas em campos de concentração (a maioria, judeus).

 

Associado ao antissemitismo, estava a noção racista e eugenista da superioridade do homem branco germânico, ou da raça ariana, e a construção de um “espaço vital” para que essa raça construísse seu império mundial. Esse espaço vital compreendia vastas regiões do continente europeu, que segundo os planos de Hitler deveriam ser invadidas e conquistadas pelos germânicos, já que a raça estava incumbida, por conta de sua superioridade, de se tornar “senhora” sobre os outros povos.

As ideias de Hitler convenceram boa parte da população alemã, que acreditavam que a sua figura de líder era a garantia de uma Alemanha próspera e triunfante. Essas características do nazismo conduziram a Alemanha à Segunda Guerra Mundial, uma guerra ainda mais sangrenta que a anterior, e ao horror da “indústria da morte” verificada nos campos de extermínio.

Lei mais: https://www.historiadomundo.com.br/idade-contemporanea/nazismo.htm

 

1. Explique o principal motivo do Holocausto Judeu? (1,15)

 

2. O que significou “busca pelo espaço vital” para o governo nazista de Hitler. (1,15)

 

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DO FASCISMO

O fascismo é marcado por governos ditatoriais liderados por governantes autoritários e que exigem do seu povo total lealdade. Benito Mussolini era chamado de “dulce”, que significa líder em italiano. As massas eram convocadas a manifestar publicamente lealdade ao seu líder e ouvir os vários discursos proferidos por ele.

 

No campo político, o fascismo só admitia apenas um partido, aquele que dava apoio ao líder. Na Itália, enquanto Mussolini esteve no poder, o partido fascista foi o único a ter suas atividades legalizadas, enquanto outros partidos foram extintos, e seus integrantes, presos. Outra característica do fascismo é um Estado controlador da sociedade, não admitindo qualquer atitude individual diferente da preconizada por ele.

 

A Crise de 1929, logo após a quebra da Bolsa de Nova Iorque, fez com que o liberalismo econômico fosse questionado. No fascismo, essa crítica foi aprofundada, e o exemplo norte-americano reforçou a tese de que os valores liberais, como livre mercado e a democracia representativa, deveriam ser abandonados, abrindo assim espaço para a forte intervenção estatal na economia e a implantação de uma ditadura na qual apenas o partido governista poderia atuar. Os movimentos oposicionistas eram considerados crimes contra o Estado.

 

A expansão imperialista foi outra marca do governo fascista ao buscar o domínio de povos considerados “fracos”, que deveriam ser integrados ao território governado pelo fascismo. Mussolini resgatou a história do Império Romano para justificar esse avanço.  

Leia mais: https://www.preparaenem.com/historia/fascismo.htm

 

3. Escreva as principais características do FASCISMO ITALIANO. (1,15)

4. Explique como a CRISE DE 1929 fez surgir governos fascistas na Europa. (1,15)

 

SEGUNDA GUERRA MUNDIAL

Para compreender-se as causas da Segunda Guerra Mundial, é preciso resgatar-se a forma como terminou a Primeira Guerra Mundial, em 1918. O Tratado de Versalhes, assinado no ano seguinte, impôs severas sanções à Alemanha, que foi considerada a culpada pela guerra. Os alemães saíram derrotados e humilhados do conflito. Além disso, a crise econômica de 1929, originada nos Estados Unidos, rapidamente se espalhou pelo mundo, aprofundando ainda mais os países europeus que, a muito custo, tentavam reerguer-se dos escombros da guerra.

 

Esse cenário catastrófico, de crise política, social e econômica, fez surgir grupos radicais que prometiam resgatar a grandeza do império alemão de séculos anteriores, vingando a humilhação que o Tratado de Versalhes promoveu ao povo alemão. Adolf Hitler, com seu Partido Nazista, ganhava espaço na política da Alemanha.

 

A Segunda Guerra Mundial pode ser dividida em três fases para melhor entendimento dos acontecimentos do conflito, a saber:

Supremacia do Eixo (1939-1941): nessa fase, tornaram-se notórios o uso da blitzkrieg e a conquista de diversos locais pelas tropas da Alemanha. Além disso, na Ásia, os japoneses conquistaram uma série de territórios dominados por britânicos, franceses e holandeses.

Equilíbrio de forças (1942-1943): nessa fase, os Aliados conseguiram recuperar-se na guerra, tanto na Ásia quanto na Europa, e equilibraram forças com os alemães. Essa fase ficou marcada pela indefinição de quem ganharia o conflito.

 

Derrota do Eixo (1944-1945): nessa fase, o Eixo estava em decadência. A Itália foi invadida; Mussolini, deposto; os alemães e japoneses passaram a ser derrotados sucessivamente e ambos os países entraram em colapso.

 

Consequências:

A Segunda Guerra Mundial, como acontecimento marcante da história da humanidade, realizou profundas transformações no mundo. A começar pela derrocada do extremismo autoritário das ideologias conservadoras, a Segunda Guerra Mundial consolidou a influência da social-democracia e do Estado de bem-estar social na Europa.

 

Depois da guerra, as diferenças ideológicas entre Estados Unidos e União Soviética levaram ao início da Guerra Fria — conflito político-ideológico entre esses dois países. A Guerra Fria dividiu o mundo em dois grandes blocos, e as tensões causadas por ela resultaram uma série de conflitos ao longo da segunda metade do século XX.

 

Os crimes de guerra cometidos nesse período foram parcialmente julgados em tribunais de guerra montados pelos Aliados. Os crimes cometidos pelos nazistas, relacionados principalmente com o Holocausto, resultaram na criação do Tribunal Internacional de Nuremberg; e na Ásia, os crimes de guerra cometidos pelo Japão foram julgados no Tribunal Internacional para o Extremo Oriente.

Leia mais: https://mundoeducacao.uol.com.br/historiageral/segunda-guerra-mundial.htm

 

5. Escreva os três grandes motivos que colaboraram para a ascensão (chegada ao poder) do partido Nazista na Alemanha. (1,15)

6. Escreva de maneira resumida, as três fases da Guerra. (1,15)

7. De acordo com o subtítulo CONSEQUÊNCIAS, explique: (1,15)

a) Estado de bem-estar social;

b) Guerra Fria;

c) Crimes de guerra;

convert-images-pdf-windows-10.jpg
E-MAIL PARA O ENVIO - APC6 - 9 ANOS.png
E-MAIL PARA O ENVIO APC1.png
gmail.jpg
índice.jpg
9 A.png
9 B.png
9 C.png
9 D.png
9 E.png
9 F.png