Slide1.PNG
transferir.png
transferir.png
images.jpg
transferir.png

ERA VARGAS

Palavras chaves: democracia, ditadura e reabertura.

 

ORIENTAÇÕES:

Leia o texto e responda as questões abaixo (próprio punho) na folha impressa por você ou em seu caderno (caso faça em em seu caderno, não precisa copiar o texto e as perguntas, somente as respostas):

Após ter feito a atividade, tire as fotos do Trabalho:

Parte 1 – entendimento das figuras da Guerra Fria

Parte 2 – respostas do texto sobre a Era Vargas.

Envie para valdir.122112@edutec.sed.ms.gov.br ou carregue as imagens do trabalho em seu classroom.

 

PERÍODO VARGAS

   A Era Vargas foi o período da história republicana brasileira no qual o presidente da República foi Getúlio Dornelles Vargas, que governou ininterruptamente o Brasil entre 1930 e 1945.

   A própria chegada de Vargas à presidência representou uma ruptura política com a República Velha. A Revolução de 1930 pôs fim ao domínio político da oligarquia cafeeira paulista no comando do Governo Federal, encerrando, assim, a chamada política do café com leite.

   A Era Vargas representou ainda os esforços de levar à frente a modernização capitalista da sociedade brasileira. Houve grandes investimentos para a industrialização da economia nacional, com destaque para a criação de uma indústria de base, nos ramos da siderurgia (Cia. Siderúrgica Nacional, CSN), mineração (Cia Vale do Rio Doce) e de energia (Cia Hidrelétrica do São Francisco). O processo de fortalecimento do capitalismo no Brasil contou, dessa forma, com o Estado e os gestores que o controlavam como principal instrumento.

   O fechamento do Congresso em novembro de 1937 e a imposição de uma nova Constituição deram início à terceira fase da Era Vargas, conhecida como Estado Novo, que vigorou entre 1937 e 1945. O período do Estado Novo constituiu uma ditadura de Vargas, fortemente influenciada pelo fascismo que estava em vigor na Europa. O fim do Estado Novo ocorreu simultaneamente ao fim da II Guerra Mundial, em virtude da impossibilidade de Vargas de se manter no poder depois de 15 anos de governo.

   Em 1951, Vargas ainda retornaria ao poder, dessa vez através de eleições diretas para presidente. Havia um forte discurso nacionalista e o objetivo de ampliar ainda mais o processo de industrialização. Destacaram-se a campanha do “Petróleo é nosso” e a criação da Petrobras. Porém, a forte oposição política, principalmente da União Democrática Nacional (UDN) e de Carlos Lacerda, criou uma situação insustentável para Vargas. Em 24 de agosto de 1954, o presidente suicidou-se. Conhecido por uns como o pai dos pobres, e por outros como a mãe dos ricos, Getúlio Vargas pôs fim à participação no cenário político do Brasil, afirmando que saía “da vida para entrar na história”.

 

PINTO, Tales dos Santos. "O que foi a Era Vargas?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/historia/o-que-e-era-vargas.htm. Acesso em 10 de junho de 2020.

 

DE ACORDO COM A LEITURA DO TEXTO, RESPONDA:

1) Quais foram as modernizações capitalistas introduzidas pelo governo Vargas.

2) Descreva as principais características do ESTADO NOVO no governo Vargas.

3) Vargas foi chamado de pai dos pobres e mãe dos ricos. Escreva as principais características de seu segundo governo (1951 a 1954)

images.jpg