images_edited.jpg
maxresdefault.jpg
LIVE APN1  -  9  ANOS.png
CLIQUE AQUI.png
convert-images-pdf-windows-10.jpg

Iluminismo

https://www.youtube.com/watch?v=BWMoIJeCurY

Você sabia? @lucasmarques e @danielmolo

  O Iluminismo é um termo abrangente, que reúne muitos pensadores, em mais de um século, mas chamado genericamente de “século das luzes”, em referência à razão.

  Ou seja, um período intelectual em que diversos filósofos procuraram estabelecer a razão (a racionalidade), acima da fé, da religiosidade e também, da tradição monárquica.

  Para que você tenha um guia rápido do que o Iluminismo defendia, podemos resumir as principais ideias da seguinte forma:

  • A ciência e o método científico como única forma de fazer progredir a humanidade;

  • A necessidade de tornar todos os homens cidadãos plenos;

  • A necessidade de permitir que os homens se expressem livremente;

  • A reformulação da sociedade, eliminando privilégios da nobreza e do clero (igreja).

  • Negava a origem divina dos reis, porque não havia provas desta origem;

  • Ignorava qualquer crença religiosa que fosse contrária à evidência científica;

  • Liberalismo econômico, ou seja, sem intervenção do estado, por adam smith;

  • Contrários ao absolutismo;

  • Avanço da ciência e da razão;

  • Predomínio da burguesia.

Fonte: https://www.stoodi.com.br/blog/sociologia/o-que-foi-o-iluminismo/

 

APN1 – HISTÓRIA – PROF. VALDIR

NOME:

 

1. O que o pensadores iluministas pensavam sobre a Razão. (copie e responda as perguntas em seu caderno)

 

2. Escolha e copie 04 características que considera mais importante sobre o iluminismo. (copie e responda as perguntas em seu caderno)

 

Revolução Industrial

https://www.youtube.com/watch?v=6TN8B2oruHg

 

Museu Americano de História Natural

 

A Revolução industrial foi um conjunto de mudanças que aconteceram na Europa nos séculos XVIII e XIX. A principal particularidade dessa revolução foi a substituição do trabalho artesanal pelo assalariado e com o uso das máquinas.

  • Os principais avanços tecnológicos conhecidos nessa fase foram:

  • uso do carvão como fonte de energia para a máquina a vapor;

 

  • desenvolvimento da máquina a vapor e criação da locomotiva;

 

  • invenção do telégrafo;

 

  • aparecimento de indústrias têxteis, como a do algodão;

 

  • ampliação da indústria siderúrgica.

 

  • a substituição do ferro pelo aço;

 

  • o surgimento de antibióticos;

 

  • a construção de ferrovias e navios a vapor;

 

  • a invenção do telefone, da televisão e da lâmpada incandescente;

 

  • o uso de máquinas e fertilizantes químicos na agricultura.

 

3. Leia, escolha e escreva 04 características sobre a Revolução Industrial em seu caderno. (copie e responda as perguntas em seu caderno)

 

Revolução Francesa

 

https://www.youtube.com/watch?v=eg47cCMcQr0

A REVOLUÇÃO FRANCESA EM 5 MINUTOS! - Débora Aladim

  A Revolução Francesa, iniciada em 17 de junho de 1789, foi um movimento burguês, que acabou com o absolutismo francês e espalhou as ideias liberais pelo mundo.

  O fato mais significativo é a tomada da prisão da Bastilha, em 14 de julho de 1789. Um mês depois, os franceses promulgam da Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão. Neste documento foi consagrado o princípio de igualdade de todas as pessoas perante a lei.

Causas da Revolução Francesa

  A burguesia francesa detinha grande parte do poder econômico na França, mas não o político. Por isso, defendia que a França adotasse o liberalismo.

  Também desejava acabar com o privilégio do Primeiro e do Segundo Estado em não pagar impostos.

Iluminismo - O iluminismo foi um movimento intelectual que criticava as práticas econômicas mercantilistas, o absolutismo, e aos direitos concedidos ao clero e à nobreza.

  Defendiam a separação de poderes, o fim da sociedade estamental e a igualdade jurídica perante a lei.

 

4. Explique a relação entre o Iluminismo com a Revolução e o resultado da Declaração Universal dos Direitos do Homem e do Cidadão para com os franceses. (copie e responda as perguntas em seu caderno)

 

Brasil: Primeiro Reinado

https://www.youtube.com/watch?v=4CthQxp3h4c

Impérios AD

 

  O Primeiro Reinado foi iniciado logo depois de D. Pedro I conduzir o processo de independência. A ruptura entre Brasil e Portugal aconteceu por causa das pressões exercidas pelas Cortes Portuguesas sobre D. Pedro I para que ele retornasse a Portugal – assim como seu pai havia feito – e para que o Brasil fosse recolonizado.

  A independência, no entanto, não resultou em transformações políticas profundas, nem tampouco sociais, porque D. Pedro já governava o país desde que D. João VI havia voltado para Portugal. “Na verdade, foi uma independência sem muitas mudanças no quadro político e social do país", afirma a historiadora.

  A constituição ficou pronta e foi outorgada, ou seja, imposta por vontade do imperador, no dia 25 de março de 1824. Esse novo texto tornou-se conhecido, então, como Constituição de 1824 e tinha como principais pontos:

  • Estabelecia a monarquia como forma de governo e a transmissão do poder como hereditária.

  • Estabelecia o funcionamento de quatro poderes: o executivo, legislativo, judiciário e o moderador. Esse último representava os poderes ilimitados do imperador.

  • Estabelecia o voto indireto e censitário no Brasil. Apenas poderiam votar os homens livres, com mais de 25 anos, que possuíssem renda mínima de 100 mil réis.

  • O imperador foi estabelecido como figura inviolável.

  • O catolicismo foi escolhido como religião oficial do país.

  • Garantidas liberdades individuais, como a liberdade de credo, por exemplo.

  Sem o apoio popular e do exército, e acompanhando o acirramento dos ânimos entre portugueses e brasileiros, D. Pedro I viu-se obrigado a renunciar e, assim, abdicou do trono brasileiro em favor de seu filho, em 7 de abril de 1831. Com isso, foi iniciado um período de transição até Pedro de Alcântara ter a idade suficiente para assumir o governo brasileiro.

 

5. Qual foi o grande propulsor (fator) que fez o Brasil independente? (copie e responda as perguntas em seu caderno)

6. Sabemos que a Independência não acarretou mudanças no Brasil, entretanto, leia e escreva 03 pontos da Constituição de 1824 que demonstram a falta de mudanças sociais. (copie e responda as perguntas em seu caderno)

 

A economia do café no Brasil

https://www.youtube.com/watch?v=bd5wJD6zBZ4

 

Tempo de estudar - @diegoknack

 

  O curto espaço de tempo em que a produção cafeeira se estabeleceu foi suficiente para encerrar as constantes crises econômicas observadas desde o Primeiro Reinado. Depois de se fixar nos mercados da Europa, o café brasileiro também conquistou o paladar dos norte-americanos, fazendo com que os Estados Unidos se tornassem nosso principal mercado consumidor. Ao longo dessa trajetória de ascensão, o café, nos finais do século XIX, representou mais da metade dos ganhos com exportação.

  A adoção da mão-de-obra assalariada, na principal atividade econômica do período, trouxe uma nova dinâmica à nossa economia interna. Ao mesmo tempo, o grande acúmulo de capitais obtido com a venda do café possibilitou o investimento em infra-estrutura (estradas, ferrovias...) e o nascimento de novos setores de investimento econômico no comércio e nas indústrias. Nesse sentido, o café contribuiu para o processo de urbanização do Brasil.

 

Fonte: https://mundoeducacao.uol.com.br/historiadobrasil/economia-cafeeira.htm

 

7. Quais foram as grandes mudanças econômicas acarretadas com o café. (copie e responda as perguntas em seu caderno)

 

Guerra da Tríplice Aliança

https://www.youtube.com/watch?v=JIIE69T_1ck

 

A Guerra do Paraguai - Histórias do Brasil

  A Guerra do Paraguai foi um conflito que aconteceu de dezembro de 1864 a março de 1870 e colocou o Paraguai contra Brasil, Argentina e Uruguai. A guerra foi resultado do choque de interesses políticos e econômicos que as nações platinas possuíam durante a década de 1860. Ao longo dos anos de conflito, o grande prejudicado foi o Paraguai, que teve sua economia arrasada. Estima-se que o total de mortos de acordo com as diferentes estatísticas seja de 130 mil a 300 mil mortos.

  No caso do Paraguai, a guerra gerou uma grande destruição na frágil infraestrutura e economia do país e causou um grande número de mortos. No caso brasileiro, a guerra contribuiu para o fortalecimento do exército como instituição e para o enfraquecimento do sistema político monárquico, que passou a ser questionado. Além disso, economicamente, a guerra foi desastrosa para o Brasil.

 

Fonte: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/historia/o-que-foi-guerra-paraguai.htm

 

8. Escreva os motivos que desencadearam a Guerra do Paraguai. (copie e responda as perguntas em seu caderno)

9. Quais foram consequências desse Conflito. (copie e responda as perguntas em seu caderno)

CLIQUE AQUI.png
E-MAIL PARA O ENVIO  9 ANO - APN1.png
CLASSROOM 9 A LOIDE.png
9 B.png